c Publicações – ONU Mulheres
  • Português

A ONU Mulheres é a organização das Nações Unidas dedicada à igualdade de gênero e o empoderamento das mulheres.

Brasil

30 resultado(s) encontrado(s)
Resultado da pesquisa pelo ano de 
Selecione os filtros de pesquisa
Autoria
1 - 10 de 30 Resultado(s)
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 2 Quantidade: 16 páginas

Programa Conjunto LEAP "Liderança, Empoderamento, Acesso e Proteção para mulheres migrantes, solicitantes de refugio e refugiadas no Brasil" Estudo de caso (Inglês)

2021 ONU Mulheres Brasil, ACNUR, UNFPA Ação Humanitária

"A partir de 2018, a crise humanitária venezuelana passou a ter impactos mais significativos no Brasil, com o aumento do fluxo migratório. Das mais de 5,4 milhões de pessoas que haviam migrado da Venezuela para outros países ate janeiro de 2021, mais de 261 mil estavam no Brasil, segundo a Plataforma R4V. O estado de Roraima, na região Norte, e? a principal porta de entrada deste contingente, e é lá que ONU Mulheres tem atuado no atendimento de meninas e mulheres venezuelanas migrantes e refugiadas, a partir do programa Liderança, empoderamento...Leia mais >>>
"A partir de 2018, a crise humanitária venezuelana passou a ter impactos mais significativos no Brasil, com o aumento do fluxo migratório. Das mais de 5,4 milhões de pessoas que haviam migrado da Venezuela para outros países ate janeiro de 2021, mais de 261 mil estavam no Brasil, segundo a Plataforma R4V. O estado de Roraima, na região Norte, e? a principal porta de entrada deste contingente, e é lá que ONU Mulheres tem atuado no atendimento de meninas e mulheres venezuelanas migrantes e refugiadas, a partir do programa Liderança, empoderamento, acesso e proteção para mulheres migrantes, solicitantes de refúgio e refugiadas no Brasil (LEAP). O programa LEAP é conduzido por ONU Mulheres em parceria com o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR), com financiamento do Governo de Luxemburgo. Assinado em 2018 e em implementação desde 2019, o programa tem como objetivo apoiar o governo brasileiro na resposta adequada às necessidades de mulheres migrantes e refugiadas no Brasil ? agravadas a partir de 2020, com a pandemia de COVID-19."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 7.6 MB Quantidade: 16 páginas

Programa Conjunto LEAP ? Liderança, Empoderamento, Acesso e Proteção para mulheres migrantes, solicitantes de refúgio e refugiadas no Brasil ? Estudo de caso

2021 ONU Mulheres Brasil, ACNUR, UNFPA Ação Humanitária

"A partir de 2018, a crise humanitária venezuelana passou a ter impactos mais significativos no Brasil, com o aumento do fluxo migratório. Das mais de 5,4 milhões de pessoas que haviam migrado da Venezuela para outros países ate? janeiro de 2021, mais de 261 mil estavam no Brasil, segundo a Plataforma R4V. O estado de Roraima, na região Norte, e? a principal porta de entrada deste contingente, e é lá que ONU Mulheres tem atuado no atendimento de meninas e mulheres venezuelanas migrantes e refugiadas, a partir do programa Liderança, empoderament...Leia mais >>>
"A partir de 2018, a crise humanitária venezuelana passou a ter impactos mais significativos no Brasil, com o aumento do fluxo migratório. Das mais de 5,4 milhões de pessoas que haviam migrado da Venezuela para outros países ate? janeiro de 2021, mais de 261 mil estavam no Brasil, segundo a Plataforma R4V. O estado de Roraima, na região Norte, e? a principal porta de entrada deste contingente, e é lá que ONU Mulheres tem atuado no atendimento de meninas e mulheres venezuelanas migrantes e refugiadas, a partir do programa Liderança, empoderamento, acesso e proteção para mulheres migrantes, solicitantes de refúgio e refugiadas no Brasil (LEAP). O programa LEAP é conduzido por ONU Mulheres em parceria com o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR), com financiamento do Governo de Luxemburgo. Assinado em 2018 e em implementação desde 2019, o programa tem como objetivo apoiar o governo brasileiro na resposta adequada às necessidades de mulheres migrantes e refugiadas no Brasil ? agravadas a partir de 2020, com a pandemia de COVID-19."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 1.634 KB Quantidade: 21 páginas

Cartilha – Casa da Mulher Brasileira

2021 ONU Mulheres Brasil, ACNUR, UNFPA Ação Humanitária

Uma criação conjunta de ACNUR, ONU Mulheres e UNFPA a partir do programa LEAP - Liderança, Empoderamento, Acesso e Proteção para mulheres migrantes, solicitantes de refúgio e refugiadas no Brasil, em parceria com a Fraternidade - Federação Humanitária Internacional.
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 1.097 KB Quantidade: 22 páginas

Cartilha – Assédio sexual no mercado de trabalho

2021 ONU Mulheres Brasil, ACNUR, UNFPA Ação Humanitária

Uma criação conjunta da ONU Mulheres, ACNUR, e UNFPA a partir do programa LEAP - Liderança, Empoderamento, Acesso e Proteção para mulheres migrantes, solicitantes de refúgio e refugiadas no Brasil.
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 1.890 KB Quantidade: 11 páginas

Eleições 2020 - Newsletter 2

2021 ONU Mulheres Brasil Liderança e participação política

"O documento apresenta um balanço das eleições municipais de 2020, focando nos resultados da participação das mulheres, em especial dos grupos com maior sub-representação política: mulheres negras, quilombolas, indígenas e trans. O material também traz uma análise comparativa entre as candidaturas de militares e pessoas com títulos religiosos e os resultados das eleições para esses dois grupos. Esta Newsletter é lançada em seguimento à realização da 65ª sessão da Comissão sobre a Situação da Mulher, que ocorreu entre 15 e 26 de março de 2021 e ...Leia mais >>>
"O documento apresenta um balanço das eleições municipais de 2020, focando nos resultados da participação das mulheres, em especial dos grupos com maior sub-representação política: mulheres negras, quilombolas, indígenas e trans. O material também traz uma análise comparativa entre as candidaturas de militares e pessoas com títulos religiosos e os resultados das eleições para esses dois grupos. Esta Newsletter é lançada em seguimento à realização da 65ª sessão da Comissão sobre a Situação da Mulher, que ocorreu entre 15 e 26 de março de 2021 e teve como tema “Mulheres na vida pública: Participação Igualitária em espaços de decisões”. Na ocasião, estados-membro das Nações Unidas reconheceram a persistência de inúmeros obstáculos à participação política das mulheres e reiteraram a necessidade de medidas para sua eliminação"
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 1.840 KB Quantidade: 18 páginas

Eleições 2020 - Newsletter 1

2021 ONU Mulheres Brasil Liderança e participação política

"A ONU Mulheres Brasil, em parceria com a União Europeia, lançou em outubro a campanha #ViolênciaNão – Pelos Direitos Políticos das Mulheres, uma mobilização nacional de prevenção à violência política contra as mulheres em contextos eleitorais. Centrada em ações nas redes sociais e no diálogo com tomadoras e tomadores de decisão, a campanha chama atenção para o fato de que a violência política constitui uma das principais barreiras que impede as mulheres de usufruírem de seus direitos humanos e destaca ainda obstáculos adicionais referentes às ...Leia mais >>>
"A ONU Mulheres Brasil, em parceria com a União Europeia, lançou em outubro a campanha #ViolênciaNão – Pelos Direitos Políticos das Mulheres, uma mobilização nacional de prevenção à violência política contra as mulheres em contextos eleitorais. Centrada em ações nas redes sociais e no diálogo com tomadoras e tomadores de decisão, a campanha chama atenção para o fato de que a violência política constitui uma das principais barreiras que impede as mulheres de usufruírem de seus direitos humanos e destaca ainda obstáculos adicionais referentes às discriminações cruzadas experimentadas por mulheres negras, indígenas, jovens, mulheres com deficiência e de outros grupos. Somando-se à campanha, esta newsletter apresenta dados e informações relevantes sobre a participação das mulheres nas eleições municipais de 2020 no Brasil. A primeira parte divulga dados relacionados ao perfil das candidaturas e alguns resultados parciais do primeiro turno, apontando as principais tendências relacionadas às candidaturas de mulheres. Na sequência, aborda o tema da violência política contra as mulheres e divulga eventos e iniciativas de parcerias relevantes acerca do tema."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 219 KB Quantidade: 3 páginas

Fluxo de Encaminhamentos Durante a Pandemia de COVID-19

2020 ONU Mulheres Brasil, Luxembourg Aid & Development, UNICEF, ACNUR, UNFPA Ação Humanitária

"Você é informado ou identifica um incidente de VIOLÊNCIA de gênero com adultos, adolescentes ou crianças. O QUE DEVE FAZER? Os caminhos a serem percorridos vão depender do tipo de violência sofrida (física, psicológica, sexual, moral, patrimonial), porém é importante em primeiro lugar MANTER A SEGURANÇA DA SOBREVIVENTE."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 642 KB Quantidade: 7 páginas

Diretrizes sobre a Inclusão de Mulheres e Meninas da Resposta à Pandemia Covid-19: Informe 3 - COVID-19, Eleições Municipais de 2020 e Desafios para as Candidaturas de Mulheres

2020 ONU Mulheres Brasil Governança

As mulheres vem demonstrando excepcional liderança nas respostas a pandemia de COVID-19, representando 70% das/os trabalhadoras/es no setor social e de saúde globalmente. No entanto, são sistematicamente excluídas dos órgãos de tomada de decisão da saúde publica, que determinam os protocolos de emergência necessários para preservar vidas. Em circunstancias \'normais\', antes da crise sanitária, as mulheres já enfrentavam múltiplos desafios para alcançar funções na vida politica e publica. No Brasil, elas correspondem a 52,5% das pessoas registr...Leia mais >>>
As mulheres vem demonstrando excepcional liderança nas respostas a pandemia de COVID-19, representando 70% das/os trabalhadoras/es no setor social e de saúde globalmente. No entanto, são sistematicamente excluídas dos órgãos de tomada de decisão da saúde publica, que determinam os protocolos de emergência necessários para preservar vidas. Em circunstancias \'normais\', antes da crise sanitária, as mulheres já enfrentavam múltiplos desafios para alcançar funções na vida politica e publica. No Brasil, elas correspondem a 52,5% das pessoas registradas como eleitoras, porem menos de 15% das/os representantes eleitas/os. O pais ocupa a 154a posição do ranking mundial de mulheres em cargos ministeriais e o 142o lugar do ranking de representação parlamentar. Na América Latina, fica á frente apenas das Bahamas (152%), de Belize (170o) e do Haiti (188o).
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 3.0 MB Quantidade: 7 páginas

Diretrizes sobre a Inclusão de Mulheres e Meninas da Resposta à Pandemia Covid-19: Informe 2 - MULHERES NEGRAS E COVID-19

2020 ONU Mulheres Brasil Governança

Até 13 de outubro de 2020, foram confirmados 5.113.628 casos acumulados de COVID-19 e 150.998 mortes no Brasil1. Entre os casos identificados, a COVID-19 se mostra mais mortal entre pessoas negras (pretas e pardas, segundo categorias utilizadas pelo IBGE e pelo Sistema Único de Saúde). Os dados disponíveis indicam que as/os afrodescendentes compõem a maior parte da força de trabalho empobrecida do Brasil, têm menos acesso a saneamento adequado e segurança alimentar e representam a maioria das pessoas que foram à óbito em decorrência da infecção...Leia mais >>>
Até 13 de outubro de 2020, foram confirmados 5.113.628 casos acumulados de COVID-19 e 150.998 mortes no Brasil1. Entre os casos identificados, a COVID-19 se mostra mais mortal entre pessoas negras (pretas e pardas, segundo categorias utilizadas pelo IBGE e pelo Sistema Único de Saúde). Os dados disponíveis indicam que as/os afrodescendentes compõem a maior parte da força de trabalho empobrecida do Brasil, têm menos acesso a saneamento adequado e segurança alimentar e representam a maioria das pessoas que foram à óbito em decorrência da infecção pela COVID-19. A crise da pandemia acentua desigualdades de gênero e raça, em todas as dimensões da vida social. Considerando isso, a resposta imediata e os planos de recuperação a médio e longo prazos devem incluir tanto a coleta e análise de dados desagregados por raça/cor, quanto contemplar as necessidades específicas da população negra. A adoção de medidas preventivas2, deve considerar as condições de vida desse grupo majoritário da população brasileira, contribuindo para a eliminação das desigualdades raciais.
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 1.066 KB Quantidade: 5 páginas

Diretrizes sobre a Inclusão de Mulheres e Meninas da Resposta à Pandemia Covid-19: Informe 1 - OS IMPACTOS DA PANDEMIA DE COVID-19 PARA AS MULHERES INDÍGENAS NO BRASIL

2020 ONU Mulheres Brasil Governança

Até o dia 13 de outubro de 2020, havia 30.190 casos confirmados de COVID-19 entre povos indígenas no Brasil, e 458 mortes. O avanço da pandemia de COVID-19 representa uma ameaça à extinção dos povos indígenas, e muitos/os permanecem desprotegidos/os. Os povos indígenas em geral, e as mulheres e meninas indígenas em particular, estão sujeitos a elevadas taxas de pobreza e insegurança alimentar, e enfrentam dificuldades no acesso a água tratada e saneamento, serviços de saúde, educação e participação na vida política. A invasão de terras indígena...Leia mais >>>
Até o dia 13 de outubro de 2020, havia 30.190 casos confirmados de COVID-19 entre povos indígenas no Brasil, e 458 mortes. O avanço da pandemia de COVID-19 representa uma ameaça à extinção dos povos indígenas, e muitos/os permanecem desprotegidos/os. Os povos indígenas em geral, e as mulheres e meninas indígenas em particular, estão sujeitos a elevadas taxas de pobreza e insegurança alimentar, e enfrentam dificuldades no acesso a água tratada e saneamento, serviços de saúde, educação e participação na vida política. A invasão de terras indígenas para extração de madeira, o garimpo e outras atividades ilegais prejudicam os esforço de distanciamento social destas comunidades, e podem ser acompanhadas da aplicação sistemática de violência e de discriminação, que frequentemente possuem como principal alvo as mulheres e meninas. Globalmente, mulheres indígenas são particularmente vulneráveis a violência sexual.
1 - 10 de 30 Resultado(s)