107 resultado(s) encontrado(s)
Resultado da pesquisa pelo ano de  :
91 - 100 de 107 Resultado(s)
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 1.540 KB Quantidade: 13 páginas

Princípios de Empoderamento das Mulheres

2011 ONU Mulheres Brasil, Rede Brasil do Pacto Global das Nações Unidas (UNGC) Empoderamento Econômico

"Os Princípios de empoderamento das mulheres, uma iniciativa resultante da parceria entre a ONU mulheres e o Pacto Global das Nações Unidas (UNGC), oferece um conjunto de considerações que ajudam a comunidade empresarial a concentrar-se nos elementos-chave para a promoção da igualdade de gênero no local de trabalho, no mercado de trabalho e na comunidade. Ampliar o acesso e a inclusão da dimensão gênero nas políticas e nas atividades das empresas requer técnicas, ferramentas e práticas que apresentem resultados sustentáveis. os Princípios de em...Leia mais >>>
"Os Princípios de empoderamento das mulheres, uma iniciativa resultante da parceria entre a ONU mulheres e o Pacto Global das Nações Unidas (UNGC), oferece um conjunto de considerações que ajudam a comunidade empresarial a concentrar-se nos elementos-chave para a promoção da igualdade de gênero no local de trabalho, no mercado de trabalho e na comunidade. Ampliar o acesso e a inclusão da dimensão gênero nas políticas e nas atividades das empresas requer técnicas, ferramentas e práticas que apresentem resultados sustentáveis. os Princípios de empoderamento das mulheres, elaborados por meio de um processo consultivo internacional que incluiu várias parcerias, fornecem uma lente de gênero para investigar e analisar as atuais iniciativas, estudos e práticas de elaboração de relatórios."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 2.7 MB Quantidade: 32 páginas

CARTILHA DIREITOS DA MULHER PREVENÇÃO À VIOLÊNCIA E AO HIV | AIDS

2010 ACNUR, OPAS, UNAIDS, UNFPA, ONU Mulheres Brasil Prevenção e Fim da Violência contra as Mulheres

"Este guia informa as mulheres sobre as diversas situações de violência de que podem ser vítimas e como se prevenir e buscar ajuda. Também explica os direitos sexuais e reprodutivos e as formas de prevenção ao HIV/AIDS e a outras doenças sexualmente transmissíveis. A violência contra a mulher atinge mulheres dentro e fora da família e não é praticada somente por meio de agressão física, como tapas, socos, pontapés, chutes etc. Existe também a violência psicológica, moral, patrimonial e sexual. A violência sexual pode ocasionar gravidez indeseja...Leia mais >>>
"Este guia informa as mulheres sobre as diversas situações de violência de que podem ser vítimas e como se prevenir e buscar ajuda. Também explica os direitos sexuais e reprodutivos e as formas de prevenção ao HIV/AIDS e a outras doenças sexualmente transmissíveis. A violência contra a mulher atinge mulheres dentro e fora da família e não é praticada somente por meio de agressão física, como tapas, socos, pontapés, chutes etc. Existe também a violência psicológica, moral, patrimonial e sexual. A violência sexual pode ocasionar gravidez indesejada e abortos espontâneos, aumentando o risco de infecção por doenças sexualmente transmissíveis e pelo HIV. É importante saber que a violência pode ocorrer no espaço público e no espaço doméstico. Este guia tem por objetivo servir de auxílio para todas as mulheres vítimas de violência e para todas as pessoas que queiram atuar no enfrentamento á violência contra a mulher."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 969 KB Quantidade: 22 páginas

O Progresso das Mulheres no Mundo (2008-2009): Quem responde às mulheres? Gênero e responsabilização - Sumário Executivo

2009 ONU Mulheres Desenvolvimento,Governança

O relatório Progresso das Mulheres do Mundo 2008/2009: Quem Responde às Mulheres? Gênero e Responsabilização demonstra que a realização dos direitos das mulheres e o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio depende do reforço da responsabilização para com os compromissos perante as mulheres e a igualdade de gênero. Os exemplos destacados em todo este Relatório sugerem que, para que os direitos das mulheres se traduzam em melhorias importantes nas suas vidas, e para que a igualdade de gênero seja uma realidade na prática, as mulheres ...Leia mais >>>
O relatório Progresso das Mulheres do Mundo 2008/2009: Quem Responde às Mulheres? Gênero e Responsabilização demonstra que a realização dos direitos das mulheres e o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio depende do reforço da responsabilização para com os compromissos perante as mulheres e a igualdade de gênero. Os exemplos destacados em todo este Relatório sugerem que, para que os direitos das mulheres se traduzam em melhorias importantes nas suas vidas, e para que a igualdade de gênero seja uma realidade na prática, as mulheres devem ter a possibilidade de participar plenamente no processo de tomada de decisões públicas a todos os níveis e pedir contas aos responsáveis sempre que os seus direitos sejam violados e as suas necessidades ignoradas. Publicado a meio do caminho da meta de 2015 para alcançar os ODM, o relatório Progresso apresenta provas claras de que o empoderamento das mulheres e a igualdade de gênero são a força motriz para a redução da pobreza, a promoção da segurança alimentar, a redução da mortalidade materna e para o reforço da eficácia da ajuda.
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 4.2 MB Quantidade: 115 páginas

O Progresso das Mulheres no Mundo (2008-2009): Quem responde às mulheres? Gênero e responsabilização - Relatório completo

2009 ONU Mulheres

O relatório Progresso das Mulheres do Mundo 2008/2009: Quem Responde às Mulheres? Gênero e Responsabilização demonstra que a realização dos direitos das mulheres e o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio depende do reforço da responsabilização para com os compromissos perante as mulheres e a igualdade de gênero. Os exemplos destacados em todo este Relatório sugerem que, para que os direitos das mulheres se traduzam em melhorias importantes nas suas vidas, e para que a igualdade de gênero seja uma realidade na prática, as mulheres ...Leia mais >>>
O relatório Progresso das Mulheres do Mundo 2008/2009: Quem Responde às Mulheres? Gênero e Responsabilização demonstra que a realização dos direitos das mulheres e o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio depende do reforço da responsabilização para com os compromissos perante as mulheres e a igualdade de gênero. Os exemplos destacados em todo este Relatório sugerem que, para que os direitos das mulheres se traduzam em melhorias importantes nas suas vidas, e para que a igualdade de gênero seja uma realidade na prática, as mulheres devem ter a possibilidade de participar plenamente no processo de tomada de decisões públicas a todos os níveis e pedir contas aos responsáveis sempre que os seus direitos sejam violados e as suas necessidades ignoradas. Publicado a meio do caminho da meta de 2015 para alcançar os ODM, o relatório Progresso apresenta provas claras de que o empoderamento das mulheres e a igualdade de gênero são a força motriz para a redução da pobreza, a promoção da segurança alimentar, a redução da mortalidade materna e para o reforço da eficácia da ajuda.
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 3.1 MB Quantidade: 36 páginas

Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça 3a edição

2008 Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – Ipea, ONU Mulheres, Secretaria de Políticas para as Mulheres – SPM Gênero e Raça

"A presente publicação apresenta, para cada bloco temático, um conjunto de indicadores que permite construir um completo diagnóstico sobre a situação dos diversos grupos sociais em uma área específica, além de um infográfico que ilustra um indicador selecionado deste rol. Acompanha, ainda, esta revista, um CD-ROM, a partir do qual todas as 209 tabelas podem ser acessadas em formato Excel, além das notas metodológicas, da publicação, dos infográficos em formato pdf e dos documentos analíticos das edições anteriores do Retrato. Finalmente, acompa...Leia mais >>>
"A presente publicação apresenta, para cada bloco temático, um conjunto de indicadores que permite construir um completo diagnóstico sobre a situação dos diversos grupos sociais em uma área específica, além de um infográfico que ilustra um indicador selecionado deste rol. Acompanha, ainda, esta revista, um CD-ROM, a partir do qual todas as 209 tabelas podem ser acessadas em formato Excel, além das notas metodológicas, da publicação, dos infográficos em formato pdf e dos documentos analíticos das edições anteriores do Retrato. Finalmente, acompanha também esta publicação um cartaz com alguns dos infográficos produzidos. Com esta iniciativa, mais uma vez o UNIFEM, o Ipea e, a partir desta edição, a SPM disponibiliza informações relevantes para o conhecimento das desigualdades que marcam a sociedade brasileira. Acreditamos que somente a partir do conhecimento dessa realidade é possível traçar estratégias para a promoção da igualdade, a consolidação de nossa democracia e, com isso, a construção de um país mais justo."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 9.5 MB Quantidade: 398 páginas

"Manual de género para acción humanitaria Segunda edición totalmente nueva (Espanhol)"

2006 Comitê Permantente Interagências (IASC) Ação Humanitária

"A ação humanitária fornece serviços básicos para salvar vidas e facilita a recuperação das comunidades afetadas por conflitos armados, desastres naturais ou outras emergências complexas. A responsabilidade dos atores humanitários de promover a igualdade de gênero é sustentada por uma estrutura normativa validada por ampla experiência de campo. Este manual estabelece a base para a integração da igualdade de gênero na ação humanitária e fornece orientação prática sobre como fazê-lo em diferentes setores. O principal objetivo é apoiar agentes hum...Leia mais >>>
"A ação humanitária fornece serviços básicos para salvar vidas e facilita a recuperação das comunidades afetadas por conflitos armados, desastres naturais ou outras emergências complexas. A responsabilidade dos atores humanitários de promover a igualdade de gênero é sustentada por uma estrutura normativa validada por ampla experiência de campo. Este manual estabelece a base para a integração da igualdade de gênero na ação humanitária e fornece orientação prática sobre como fazê-lo em diferentes setores. O principal objetivo é apoiar agentes humanitários para alcançar todas as pessoas afetadas pela crise."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 842 KB Quantidade: 59 páginas

Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça 2a edição

2006 Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – Ipea, ONU Mulheres Gênero e Raça

"O Ipea e o Unifem trazem, agora, a público, a segunda edição do Retrato das Desigualdades. As novidades resultam, principalmente, de sugestões e comentários feitos pesquisadoras responsáveis pelo estudo. Inicialmente, há uma atualização das informações apresentadas em 2005. A primeira edição do Retrato trouxe indicadores que cobriam o período 1993 a 2003. Com o lançamento da última PNAD, relativa ao ano de 2004, a série histórica de que trata o estudo foi ampliada, comportando agora uma análise que recobre um espaço temporal de 12 anos . Adema...Leia mais >>>
"O Ipea e o Unifem trazem, agora, a público, a segunda edição do Retrato das Desigualdades. As novidades resultam, principalmente, de sugestões e comentários feitos pesquisadoras responsáveis pelo estudo. Inicialmente, há uma atualização das informações apresentadas em 2005. A primeira edição do Retrato trouxe indicadores que cobriam o período 1993 a 2003. Com o lançamento da última PNAD, relativa ao ano de 2004, a série histórica de que trata o estudo foi ampliada, comportando agora uma análise que recobre um espaço temporal de 12 anos . Ademais, uma série de informações foi desagregada segundo a localização dos domicílios, de modo a permitir a visualização das desigualdades entre os meios urbano e rural e as diferenças entre as condições de vida dos habitantes de cada um desses espaços, de acordo com seu sexo e cor/raça. Agrega-se, dessa forma, uma outra face importante da desigualdade brasileira, também determinante para a configuração de nossa sociedade."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 252 KB Quantidade: 10 páginas

O Progresso das Mulheres no Mundo (2005): Mulheres, Trabalho e Pobreza – sumário executivo (Espanhol)

2005 ONU Mulheres Desenvolvimento,Governança

"O progresso das Mulheres do Mundo 2005 defende que o fortalecimento da segurança econômica das mulheres é fundamental para os esforços de redução da pobreza e promoção da igualdade de gênero, e que o trabalho decente é básico para a segurança econômica. Ele fornece dados para mostrar isso: - a proporção de mulheres trabalhadoras envolvidas em empregos informais é geralmente maior do que a proporção de trabalhadores masculinos; As mulheres estão concentradas nos tipos de emprego informal mais precarizados; e - os ganhos médios desses tipos ...Leia mais >>>
"O progresso das Mulheres do Mundo 2005 defende que o fortalecimento da segurança econômica das mulheres é fundamental para os esforços de redução da pobreza e promoção da igualdade de gênero, e que o trabalho decente é básico para a segurança econômica. Ele fornece dados para mostrar isso: - a proporção de mulheres trabalhadoras envolvidas em empregos informais é geralmente maior do que a proporção de trabalhadores masculinos; As mulheres estão concentradas nos tipos de emprego informal mais precarizados; e - os ganhos médios desses tipos de emprego informal masculino são muito baixos, na ausência de outras fontes de renda, para tirar as famílias da pobreza."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 248 KB Quantidade: 10 páginas

O Progresso das Mulheres no Mundo (2005): Mulheres, Trabalho e Pobreza – sumário executivo (Inglês)

2005 ONU Mulheres Desenvolvimento,Governança

"O progresso das Mulheres do Mundo 2005 defende que o fortalecimento da segurança econômica das mulheres é fundamental para os esforços de redução da pobreza e promoção da igualdade de gênero, e que o trabalho decente é básico para a segurança econômica. Ele fornece dados para mostrar isso: - a proporção de mulheres trabalhadoras envolvidas em empregos informais é geralmente maior do que a proporção de trabalhadores masculinos; As mulheres estão concentradas nos tipos de emprego informal mais precarizados; e - os ganhos médios desses tipos ...Leia mais >>>
"O progresso das Mulheres do Mundo 2005 defende que o fortalecimento da segurança econômica das mulheres é fundamental para os esforços de redução da pobreza e promoção da igualdade de gênero, e que o trabalho decente é básico para a segurança econômica. Ele fornece dados para mostrar isso: - a proporção de mulheres trabalhadoras envolvidas em empregos informais é geralmente maior do que a proporção de trabalhadores masculinos; As mulheres estão concentradas nos tipos de emprego informal mais precarizados; e - os ganhos médios desses tipos de emprego informal masculino são muito baixos, na ausência de outras fontes de renda, para tirar as famílias da pobreza."
Tipo de Arquivo: PDF Tamanho: 1.392 KB Quantidade: 115 páginas

O Progresso das Mulheres no Mundo (2005): Mulheres, Trabalho e Pobreza – relatório completo (Espanhol)

2005 ONU Mulheres Desenvolvimento,Governança

"O progresso das Mulheres do Mundo 2005 defende que o fortalecimento da segurança econômica das mulheres é fundamental para os esforços de redução da pobreza e promoção da igualdade de gênero, e que o trabalho decente é básico para a segurança econômica. Ele fornece dados para mostrar isso: - a proporção de mulheres trabalhadoras envolvidas em empregos informais é geralmente maior do que a proporção de trabalhadores masculinos; As mulheres estão concentradas nos tipos de emprego informal mais precarizados; e - os ganhos médios desses tipos ...Leia mais >>>
"O progresso das Mulheres do Mundo 2005 defende que o fortalecimento da segurança econômica das mulheres é fundamental para os esforços de redução da pobreza e promoção da igualdade de gênero, e que o trabalho decente é básico para a segurança econômica. Ele fornece dados para mostrar isso: - a proporção de mulheres trabalhadoras envolvidas em empregos informais é geralmente maior do que a proporção de trabalhadores masculinos; As mulheres estão concentradas nos tipos de emprego informal mais precarizados; e - os ganhos médios desses tipos de emprego informal masculino são muito baixos, na ausência de outras fontes de renda, para tirar as famílias da pobreza."